segunda-feira, 13 de julho de 2009

Porquê mãe?

Ai mãe... porque tu sábias palavras nunca escutei?
Porque achei que só eu tinha razão, quando tu, com a experiência da vida me mostravas que não era aquele o caminho a seguir?
Porque me deixei mergulhar em risos falsos?
Porque não aprendo mãe?

quarta-feira, 8 de julho de 2009

Ouvir para não ouvir não vale a pena

Quantos de vós já ouviram, ouviram, ouviram e ouviram... quando vos apetecia falar?
Quantos de vós aconselharam quando queriam ser aconselhados?
Quantos de vós acarinharam quando queriam ser acarinhados?
Quantos de vós chegaram á conclusão de que:

Ouvir para não ouvir não vale a pena... e preferiram manter-se calados...

Eu sei que eu já...

Até...